A série Cosmos voltará com nova temporada

A Fox e a National Geographic anunciaram que a série Cosmos retornará em março de 2020.

383
NatGeo / divulgação
Links Patrocinados
 

A segunda temporada de Cosmos está confirmada e o astrofísico Neil deGrasse Tyson continuará sendo o apresentador da série. O primeiro dos 13 novos episódios vai ao ar no dia 9 de março de 2020 na NatGeo, e também será exibida na Fox posteriormente.

“Cosmos: Uma Odisseia no Espaço-Tempo” é um seguimento da série de TV de 1980 “Cosmos: A Personal Voyage” (Cosmos: Uma Viagem Pessoal), que foi co-criado pelo astrônomo e popular divulgador científico Carl Sagan. A viúva de Sagan, Ann Druyan, foi escritora na série original e participou da nova série “Cosmos”. Ela também retornará para a segunda temporada como produtora executiva e escritora.

“Na sequência de um programa bem sucedido em 2014, tido como a série mais assistida do National Geographic Channel, e vista por mais de 135 milhões de pessoas em todo o mundo, a nova temporada mais uma vez será lançada nos EUA tanto na FOX quanto no canal National Geographic, sendo esse último o responsável pela sua distribuição em 171 países e em 43 idiomas”, de acordo com o comunicado oficial de imprensa da National Geographic.

O “Cosmos” tem uma visão do futuro que acredito ter o poder de inspirar as pessoas “, disse Ann Druyan. “Na série ‘Cosmos’ imaginamos o futuro que ainda podemos ter”.

Seth MacFarlane também retornará como produtor executivo do programa.

Ann Druyan e o co-roteirista da série, Steven Soter, ganharam um Prêmio Emmy pela primeira temporada do show, que estreou em março de 2014. Druyan disse que o atraso para a estreia da segunda temporada foi devido a sua própria escrita, e o tempo necessário para encontrar histórias e fatos para o programa.

Banner do livro Cosmos: Possible Worlds (Cosmos: Mundos Possíveis), que acompanhará a segunda temporada da série.
Créditos: National Geographic

A National Geographic também anunciou que publicará um livro complementar para a série “Cosmos: Possible Worlds” (Cosmos: Mundos Possíveis), de Druyan. O livro é um seguimento para o livro de Carl Sagan, “Cosmos: A Personal Voyage”, de acordo com uma declaração da National Geographic.