Documento do FBI afirma que somos visitados por “Seres de Outra Dimensão”

Enquanto a maioria das pessoas está envolvida em um debate mundial sobre alienígenas, discutindo avistamentos de OVNIs e o grande número de denunciantes que se manifestaram dizendo que não estamos sozinhos no universo, o FBI tem um documento muito interessante publicado no site deles.

10331
Links Patrocinados
 

O documento recentemente tornado público afirma que não apenas fomos visitados por ETs, mas aparentemente também fomos visitados por “seres de outras dimensões”.

No entanto, vale ressaltar que o próprio documento não é original do FBI. O documento – que é um extrato de um documento de 69 páginas chamado ufo1.pdf – foi escrito por um ex-diretor de universidade, e no entanto, foi tratado com grande importância pelo FBI.

Links Patrocinados
 

O link oficial para o site do FBI pode ser encontrado aqui.

A tradução do relatório pode ser lida logo abaixo, mas algumas palavras do texto original estão ilegíveis devido às inúmeras anotações e partes censuradas.

O documento, recebido em 8 de julho de 1947, declara:

Este memorando é respeitosamente dirigido a certos cientistas de distinção, a importantes autoridades aeronáuticas e militares, a vários funcionários públicos e a alguns jornais.

O escritor tem pouca expectativa de que qualquer coisa importante seja realizada com este gesto. O mero fato de que os dados aqui contidos foram obtidos pelos chamados meios supranormais é provavelmente suficiente para assegurar sua desatenção por quase todas as pessoas abordadas: no entanto, parece um dever público disponibilizá-lo. (O escritor possui vários diplomas universitários e era anteriormente diretor do departamento universitário).

Uma situação muito séria pode se desenvolver a qualquer momento com relação aos “discos voadores”. Se um deles for atacado, o avião atacante quase certamente será destruído. Na opinião pública, isso pode criar pânico e suspeitas internacionais. Os principais dados relativos a essas embarcações estão agora à mão e devem ser oferecidos, por mais fantásticos e ininteligíveis que possam parecer às mentes que não foram instruídas anteriormente a pensar nesse tipo.

  1. Parte dos discos carrega equipes, outros são controlados remotamente.
  2. Sua missão é pacífica. Os visitantes contemplam estabelecer-se neste plano.
  3. Esses visitantes são semelhantes aos humanos, mas muito maiores em tamanho.
  4. Eles não são pessoas desencarnadas da Terra, mas vêm de seu próprio mundo.
  5. Eles não vêm de um planeta como conhecemos, mas de um planeta etérico que se interpenetra ao nosso e não é perceptível para nós.
  6. Os corpos dos visitantes se materializam automaticamente ao entrar na faixa vibratória de nossa matéria densa.
  7. Os discos possuem um tipo de energia radiante ou um raio, que desintegra facilmente qualquer nave atacante. Eles reentram no plano etérico à vontade e simplesmente desaparecem da nossa visão, sem deixar vestígios.
  8. A região de onde eles vêm não é o “plano astral”, mas corresponde aos Lokas ou Talas (palavras em Sânscrito, que no Hinduísmo significa mundo, morada, lugar ou plano de existência). Estudantes de assuntos esotéricos entenderão esses termos.
  9. Eles provavelmente não podem ser alcançados por rádio, mas provavelmente podem ser por radar, se for possível conceber um sistema de sinal para esse aparelho.

Nós fornecemos informações e avisos e não podemos fazer mais nada. Deixem os recém-chegados serem tratados com toda bondade. A menos que os discos estejam com – partes ilegíveis – com o qual nossa cultura e ciência são incapazes de lidar. Uma grade responsabilidade recai sobre os poucos com autoridade que são capazes de compreender este assunto.

Adendo: Os Lokas são ovais, feitos com um metal ou liga resistente ao calor ainda não conhecida; a parte frontal contém os controles; a porção do meio é um laboratório; a traseira contém armamento, que consiste essencialmente em um poderoso aparelho de energia, talvez um raio…”.